DECEMBER 9, 2022
GERAL

SINDPOC denuncia precárias condições de trabalho na Delegacia do Rio Vermelho

post-img

Nesta terça (11), o presidente do SINDPOC, Eustácio Lopes, juntamente com os diretores Érico Araújo e Jorge Meira estiveram na 7ª Delegacia do Rio Vermelho e na ocasião aproveitaram para denunciar as péssimas condições de trabalho a que estão submetidos os servidores que atuam na unidade. 

No local, que passa por uma ampla reforma, os policiais civis continuam trabalhando exposto ao barulho intenso das obras, poeira e odor forte de tinta, em linhas gerais condições totalmente insalubre, fato esse que sem dúvida acarretará a saúde dos mesmos em médio ou longo prazo.  

“Nós do SINDPOC não podemos entender, e até mesmo aceitar que a senhora Delegada Geral compactue com uma situação de total desrespeito aos trabalhadores, onde esses servidores estão trabalhando em um ambiente totalmente inadequado. 

Neste momento fazemos um apelo para que a gestão da Policia Civil da Bahia retire imediatamente os colegas desse ambiente, porque eles estão sem nenhuma condições de exercerem suas atividades", pediu Lopes.

O SINDPOC continuará visitando as Delegacias do estado, a fim de verificar qualquer situação que vá de encontro a saúde, integridade física do servidor. As reformas são de suma importância para o bom andamento dos trabalhos da Polícia Civil, no entanto, também buscaremos sempre salvaguardar o bem estar dos nossos colegas", finalizou Eustácio Lopes.



Fonte: ASCOM - SINDPOC

Cart