subscribe img
Endereço:

80 Ladeira dos Barris,
Salvador, Bahia

Telefones:

Nossa História



Fundado em 13 de novembro de 1989, o SINDPOC (Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia), é composto por homens e mulheres da categoria que dedicam suas vidas em lutar pela ampliação e manutenção dos direitos dos policiais civis baianos. Atuando como verdadeiras pontes de ligação entre a base e o sindicato, os militantes buscam através da unidade na luta alcançar um único objetivo: Melhorias para todos.

Prestes a completar 30 anos de batalha é possível perceber que muitas vitórias foram obtidas. Com destaque para a implementação da Lei Orgânica da Polícia Civil, que permite aos policiais civis conhecerem as atribuições conferidas a cada um conforme o cargo. Assim, eles estarão munidos de informações para se defenderem quando for preciso. Reenquadramento para aposentados, reconhecimento da legalidade na acumulação dos cargos policial e professor, autorização de concurso público para peritos técnico, criminal e médico legal e fim a custódia de presos foram conquistas igualmente alcançadas.

Na busca incansável por melhores condições de trabalho, a atual diretoria aponta que é preciso que o Governo do Estado da Bahia, mude o método de administração. Deficiência na parte estrutural, falta de capacitação continuada e valorização profissional são os três pontos apontados pelo presidente Eustácio Lopes para serem aplicados em um novo modelo de gestão.

“O modelo que está aí é o mesmo a mais de 50 anos e já mostrou que é falho e não funciona”, analisa Eustácio.

 

Missão

Busca satisfazer as necessidades dos policiais civis, de forma organizada, oferecendo serviços de qualidade e tecnologia, dentro dos padrões éticos e morais.

 

Visão

Salário de nível superior, e mais qualidade de vida para os profissionais da Segurança Pública desta categoria.

 

Valores

Bom relacionamento, Critérios elevados, Ética, Assumir compromissos, Humildade, qualidades que nos fazem refletir, mas, principalmente, agir. O empenho de cada um em assimilar a prática de valores em nosso cotidiano é fundamental. Construir a evolução depende da sinergia e integração de todos. Vivenciar é um ato de entusiasmo e crença no futuro que dos dá força para cultivar nossos valores;