Sindpoc parabeniza escrivães pelo Dia Nacional do Escrivão de Polícia

Os escrivães são responsáveis por uma série de atividades que auxiliam a Polícia Civil no esclarecimento de crimes e ocorrências e são os homenageados desta semana

Nesta terça-feira, 5 de novembro, é celebrado o Dia Nacional do Escrivão de Polícia. Para quem não sabe, a data foi escolhida em homenagem ao nascimento do jurista Ruy Barbosa, que é considerado ícone no meio jurídico por sua ligação com os escrivães.

Responsável pela formalização e documentação dos inquéritos policiais, esclarecer crimes e ocorrências, o trabalho de escrivão é importante para o andamento dos processos e depoimentos na delegacia.

A escrivã e diretora jurídica do Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (Sindpoc), Luciene Rodrigues, ressalta a importância do cargo à Polícia Civil e à sociedade.

“Os profissionais que exercem o cargo de escrivão são de suma importância para o atendimento nas delegacias; pois depois do cidadão passar pelo primeiro atendimento na recepção das unidades, são os EPC’s que conduzem de forma profissional as pessoas para serem atendidas, até o término do procedimento”, explica a escrivã Luciene Rodrigues, ao acrescentar que “para a formalização dos procedimentos são os escrivães que têm o último contato, sendo eles os responsáveis pelo encaminhamento à justiça dos IP’s finalizados pelo delegado. Para mim ser escrivã é estar próxima de quem mais precisa, atendendo-os de forma mais humana”, destaca a escrivã e diretora do Sindpoc que comemora a data celebrada.

O (Sindpoc) parabeniza todos os profissionais que fazem parte do quadro de escrivães da capital baiana, Região Metropolitana e interior da Bahia.

Ascom Sindpoc