(71) 3016-4541
contato@sindpoc.org.br
Quinta-feira, 19 de Mar de 2020 18:46

Carta aberta à população: SINDPOC solicita que serviços nas delegacias sejam restritos

O Sindicato dos Policiais Civis da Bahia (SINDPOC), vem, através desta, mostrar a todos os Policiais Civis e à sociedade sua preocupação frente ao combate à Covid-19 (doença provocada pelo novo coronavírus – SARV-Cov-2) e mostrar suas preocupações quanto os atendimentos nos Postos Policiais e repartições.

A Instituição Polícia Civil foi enquadrada como fundamental para fazer valer um conjunto de ações decretadas pelo Governo do Estado para conter a Pandemia COVID-19, porém o SINDPOC esclarece à população que muitos dos profissionais Policiais Civis lotados na instituição são considerados vulneráveis a contrair o Coronavírus e os postos de trabalho não possuem condições favoráveis a proteção dos mesmos.

O SINDPOC também alerta sobre as condições de trabalho destes profissionais. Em visitas, o sindicato constatou a falta de equipamentos de proteção individual (EPIs), falta de higienização do ambiente e materiais de limpeza, que vem sendo cobrado incansavelmente pela entidade ao Delegado Geral e a Secretaria de Segurança Pública.

Desse modo:

1. O Sindicato solicita a suspensão das atividades ao público, entendendo que os policiais civis devem manter suas atividades laborais em seu ambiente de trabalho devidamente paramentados com seus EPI’s, uma vez que seria uma grande oportunidade de prestação de serviço à população acometido pela Covid-19.

2. A possibilidade de um colapso do sistema de saúde devido a um repentino aumento do número de casos em progressão geométrica conforme previsto, recomenda que os Serviços Policiais sejam restritos: a flagrantes e levantamentos cadavéricos. E os atendimentos rotineiros ocorram através da delegacia digital. Para tanto, seguindo normas já publicadas pelo Ministério da Saúde do Brasil, orienta que não haja aglomerações.

3. A disseminação mundialmente rápida do novo coronavírus em pessoas com doenças pré-existente (Idosos, hipertensos, diabéticos, com doenças cardiovasculares e respiratórias, e os que utilizam medicação imunossupressora), motivo pelo qual é recomendado que esses policiais civis sejam imediatamente afastados de suas atividades, permanecendo em isolamento social.

Visando sempre contribuir para uma melhoria da Segurança Pública e garantir a saúde e bem estar dos Policiais Civis (principalmente quando relacionada às doenças infectocontagiosas), essas são as recomendações e esclarecimentos do SINDPOC.

 

Eustácio Lopes – Presidente do SINDPOC.

Comentários

Adicionar comentário

CADASTRE-SE E RECEBA BOLETIM ELETRÔNICO