O Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (Sindpoc), em parceria com a Faculdade Pitágoras, realiza, na próxima sexta-feira, dia 29, o evento “Investigação criminal – a Polícia Civil e sua atuação constitucional”. Com início às 19h, no auditório da Faculdade, e voltado a estudantes e profissionais da área, o seminário vai reunir palestrantes de diferentes campos, como da segurança pública e do direito, para discutir os avanços e percalços no trabalho desenvolvido pela Polícia Civil da Bahia. A inscrição custa um quilo de alimento.

De acordo com o presidente do Sindpoc, Eustácio Lopes, o evento busca abrir a discussão sobre as prerrogativas da Polícia Civil, sobretudo diante de tentativas de esvaziamento do trabalho de investigação, função basilar da corporação. O diretor sindical avalia que nesse momento é crucial esclarecer à sociedade quais são os limites de atuação de cada órgão, divulgar os métodos e resultados do trabalho desenvolvido pela corporação, além de cobrar dos gestores o comprometimento com a autonomia das funções da Polícia Civil.

Palestras – As palestras acontecem a partir das 19h. No decorrer da noite, passarão pelo evento figuras como José Ricardo Chagas, doutor em ciências jurídicas e sociais, especialista em policiamento comunitário; Alberto Estaine Guerra Durão, professor de medicina legal e prova material; Sheila Mendes, coordenadora da procuradoria jurídica do município de Alagoinhas e advogada criminalista; além da presença da chefe da Guarda Municipal de Alagoinhas, Renata Fortaleza.