subscribe img
Endereço:

80 Ladeira dos Barris,
Salvador, Bahia

Telefones:

Seus 42 anos de dedicação e centenas de crimes elucidados, renderam ao investigador Paulo Portela a visibilidade que nenhum outro possui em sua profissão. Uma das figuras mais ilustres da Polícia Civil da Bahia, Portela, como é popularmente conhecido, é o homenageado da vez no Banco de Talentos do SINDPOC.

Sua história começa na antiga Delegacia de Jogos e Costume, no Terreiro de Jesus, em 1978, como o próprio gosta sempre de lembrar. Sua motivação vinha do pai que também era policial e influenciou o jovem portela. Hoje ele diz que se apaixonou de tal forma pela profissão que só larga quando se aposentar, e nós esperamos que isso tarde a acontecer.

Depois disso, Portela passou a fazer plantão no Maciel, local onde afirma ter vivido umas das melhores experiências da carreira, como o caso do mafioso Tommaso Buscceta, que havia estado bem próximo de ser capturado. De lá, foi transferido para a Ceop e depois para a 1ª Delegacia, no Complexo dos Barris, com o delegado Osmam Bagdé, foi quando começou a conquistar a notoriedade que possui hoje.

Já na 7º Delegacia Territorial (DT), no Rio Vermelho, há mais de 20 anos, Portela atua como chefe de investigação e a idade não o impede de continuar trazendo resultados. Seu amor à corporação o fazem um defensor absoluto da categoria e símbolo para todos nós no Sindicato dos Policiais Civis da Bahia.

Mas seus planos para a aposentadoria já estão em parte encaminhados, ele espera poder descansar e publicar uma biografia sobre sua vida e carreira, então ainda podemos esperar ouvir bastante o nome de ‘Paulo Portela’.

 

COMPARTILHAMENTO:

Comentários

Escreva aqui seu comentário*