subscribe img
Endereço:

80 Ladeira dos Barris,
Salvador, Bahia

Telefones:

O Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia (SINDPOC) apurou na última quinta-feira (29) uma denúncia de abuso de autoridade sofrido por uma escrivã da Delegacia de Repressão ao Furtos e Roubos (DRFR).

Segundo a servidora, ao chegar para trabalhar a Sala do Cartório de Apoio estava trancada com um cadeado para o qual ela não tinha chave. A escrivã relatou que tomou conhecimento de que a troca havia sido feita pelo delegado titular da unidade e que, apenas com a intervenção do delegado adjunto, conseguiu abrir a sala e resgatar seus pertences.

Eustácio Lopes, presidente do SINDPOC, ao visitar a DRFR para averiguar a denúncia definiu o ocorrido no episódio como abuso de autoridade no local de trabalho e fez um um apelo: “Eu quero pedir ao diretor do DCCP (Departamento de Crimes Contra o Patrimônio), à Delegada-Geral, ao Secretário de Segurança, uma providência. Não podemos aceitar esse comportamento de gestores da Polícia Civil, gestores que punem o servidor, [...] simplesmente considera que o servidor não serve mais para o serviço público e humilha o servidor trancando, não dando acesso à sala e aos seus pertences”.

Por conta da situação, a escrivã ficou abalada emocionalmente e, após visitar o sindicato, foi encaminhada para o Departamento Médico da Polícia Civil da Bahia (Demep), onde foi afastada para tratamento médico.

 

COMPARTILHAMENTO: