Ação judicial do Sindpoc assegura incorporação da Função Policial de 150% a servidor aposentado

A incorporação foi resultado de ação judicial impetrada pelo departamento jurídico do Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia, o Sindpoc.

O diário oficial do estado da Bahia da última segunda-feira, dia 2, trouxe a publicação da aposentadoria do investigador de polícia, classe E, Marcos Antonio Campos Longo. O profissional, que dedicou décadas de serviço à sociedade baiana, vai deixar a corporação incorporando na sua remuneração a Função Policial de 150%.

A incorporação foi resultado de ação judicial impetrada pelo departamento jurídico do Sindicato dos Policiais Civis do Estado da Bahia, o Sindpoc. “Essa é mais uma vitória de nosso sindicato em prol de nossos filiados, reforçando nosso papel em defesa da categoria”, explica a diretora jurídica, Luciene Rodrigues.