Search
sexta-feira 17 agosto 2018
  • :
  • :

SINDPOC denuncia superlotação da delegacia de Feira de Santana

feirasantana1

A Diretoria do SINDPOC, após realização de vistoria, na delegacia de Sobradinho, localizada no município de Feira de Santana, nesta semana, denuncia o quadro de superlotação carcerária da unidade.

O SINDPOC protocolou um pedido de intervenção  ao Ministério Público e informa que, caso a SSP-BA e os órgãos competentes não apresentem soluções para a situação, a unidade terá suas atividades paralisadas.

Devido à superlotação,  detentos que apresentam sintomas graves de doenças contagiosas, como tuberculose e HIV, e ferimentos na pele, estão  contaminando os demais  presidiários.

O Presidente do SINDPOC, Marcos Maurício, denuncia que as necessidades fisiológicas estão sendo feitas em quentinhas utilizadas para o almoço.  ” O Governo perdeu o compromisso com a sociedade no momento que faliu o serviço público. Quem paga o preço é a sociedade.  O Estado insiste em investir  em obras faraônicos e em muita propaganda.Enquanto isso, a Segurança Pública continua falida”, criticou o sindicalista, ao lembrar que o Estado assinou um Termo de Ajuste e Conduta (TAC) que tinha como um dos objetivo  diminuir a superlotação da unidade de Feira de Santana mas, até o momento, o quadro continua inalterado.

A comitiva do sindicato  foi composta pelo Presidente Marcos Maurício, o Secretário-geral Bernadino Gayoso e o Diretor Executivo Joseval Costa.

ASCOM SINDPOC




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook

Get the Facebook Likebox Slider Pro for WordPress